Limpeza urbana tem proposta humanitária

Por Amanda Mascarenhas e Thainá Nogueira

Prefeitura pretende encaminhar moradores de rua e retirar o lixo acumulado por eles no espaço público

A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), por meio da Regional Leste, tem realizado semanalmente ações de gestão de espaço público na capital mineira. O objetivo é recolher todo e qualquer material inutilizável, que possa ser prejudicial aos cidadãos e que venha a impedir o tráfego nas ruas e calçadas da cidade.

A maior parte desses materiais pertence aos moradores de rua e por isso o projeto acontece principalmente através do contato de profissionais do Serviço Especializado de Abordagem Social (Seas). A abordagem busca realizar um estudo de cada caso, para realizar os devidos encaminhamentos de acordo com a necessidade do cidadão.

As atividades, que foram iniciadas no começo de dezembro, são realizadas sempre às terças e quintas-feiras pela manhã. Bairros como Horto, Sagrada Família, São Geraldo e Santa Efigênia já são adeptos do programa social. As gerências regionais de Fiscalização são responsáveis pelas ações de limpeza e manutenção das vias públicas, com os apoios respectivos da Gerência de Limpeza Urbana (Gerlu) e da Guarda Municipal.

Continuar lendo